pseudogota

3 sintomas da pseudogota

A pseudogota, também conhecida como condrocalcinose, está caracterizada pelo depósito de cristais di-hidratados de pirofosfato de cálcio que ficam no líquido e nos tecidos das articulações. Essa condição gera crises de dor e inflamação para o paciente.

Geralmente ocorre em pessoas idosas, pode ser hereditária e tem causa desconhecida, mas pode ocorrer também em pessoas com algumas características específicas.

A doença ocorre em pessoas que apresentam hemocromatose (nível alto de ferro nos tecidos); amiloidose (acúmulo de proteínas em órgãos e tecidos); gota; lesão articular; hipomagnesemia (nível baixo de magnésio no sangue); hiperparatireoidismo (nível alto de cálcio no sangue) e hipofosfatasia (distúrbio que causa um nível baixo de fosfatase alcalina no sangue).

Se você ficou interessado em saber mais sobre os sintomas e tratamento para a pseudogota, continue lendo esse artigo sobre o assunto.

Sintomas da pseudogota

  1. Dor – Entre os sintomas principais estão: artrite com dor nos joelhos, tornozelos, punhos e ombros, edema, eritema e calor. Geralmente em adultos entre 40 e 50 anos de ambos os sexos.
  2. Rigidez – Algumas pessoas podem ter dor crônica associada a rigidez nas articulações de pernas e braços, semelhantes a artrite reumatoide ou osteoartrite.
  3. Gota – caracterizada por ataques de artrite aguda que são provocadas pela presença dos cristais de ácido úrico nas articulações. A dor pode ser capaz de acordar o paciente a noite e vir acompanhada de calor, vermelhidão e inchaço.

Outros fatores que podem desencadear a gota são: ingestão de álcool, dieta com alimentos ricos em purina, cirurgias, quimioterapia, uso de diuréticos e traumas físicos.

Como é feito o diagnóstico?

Para o diagnóstico, será necessário fazer uma análise do líquido articular, radiografia para identificar a imagem da calcificação de tecidos moles e ultrassonografia.

Quais os tratamentos?

Não existe cura para a pseudogota. Na fase aguda é indicado o uso de antiinflamatórios e/ou corticosteroides para amenizar a dor e reduzir a degeneração.

A colchicina é utilizada para prevenir a recorrência de crises, mas ainda não existe um tratamento eficaz para eliminar os depósitos de cristais já existentes.

É importante também drenar o líquido articular e aplicar injeção de corticosteroide. Geralmente as articulações inflamadas se recuperam sem problemas. Porém, alguns pacientes podem ter artrite crônica e lesão permanente nas articulações.

A fisioterapia deve ser uma aliada no tratamento a longo prazo, pois pode ser utilizada para o fortalecimento muscular e melhora da amplitude dos movimentos, além de manter a função da articulação.

Também é indicado o aumento do consumo de água para melhorar o fluxo urinário do paciente.

O que acontece se o paciente não faz o tratamento?

Caso o tratamento não seja realizado, as crises leves podem desaparecer em até dois dias, mas as crises mais graves podem evoluir com a ocorrência de uma dor crescente e durar semanas.

Sem tratamento o intervalo entre as crises pode diminuir e a intensidade aumentar. Outra consequência é que as articulações podem ficar deformadas, com depósitos de cristais de sódio em tendões, articulações, bursas e cartilagens.

Quer saber mais sobre a pseudogota? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como reumatologista em São Mateus!

Comentários

O que deseja encontrar?